Apagão no Nordeste

Apagão no Nordeste

Mais um apagão de grandes proporções atingiu o país neste dia 28/08/13. Já foram 9 apagões no governo Dilma.

Fonte: Folha

Segundo dados fornecidos pelo Cbie (Centro Brasileiro de Infra-estrutura) tivemos 150 blecautes acima de 100MW desde início de 2011. Somente em 2013 foram 27.

Os 9 apagões de grandes proporções (>800MW) registrados desde 2011, 8 ocorream neste último ano, indicando talvez uma fragilidade no sistema interligado nacional. A principal região afetada é o nordeste, pois recebe boa parte da energia oriunda de outras regiões, devido à falta de potencial hídrico.

O apagão desta quarta novamente atinge o nordeste, desligando todos os seus estados com excessão do Maranhão (parcialmente afetado). O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, negou que haja fragilidade no sistema. “Queimadas provocam este tipo de desligamento. Isso já aconteceu outras vezes no Brasil e no mundo”, ponderou. O ministro disse que 40 minutos após o desligamento foi iniciado o restabelecimento da energia nas capitais nordestinas.

Lobão afirmou ainda que o governo fará uma investigação para apurar as causas da queimada de grandes proporções que provocou o curto-circuito. “O impacto, inegavelmente, foi forte. Vamos investigar as causas”, disse Lobão. Ele negou que a ocorrência se deva a fragilidade do sistema elétrico. O Nordeste vive este ano a pior seca dos últimos 50 anos, o que prejudica o funcionamento das usinas hidrelétricas.

“Não existe fragilidade do sistema. Esse episódio acontece aqui, nos Estados Unidos ou em qualquer lugar”.

O fato é que parece que estes fatos tem uma certa tendência de acontecerem mais no Brasil que em outros lugares.

ONS – Nota à Imprensa – 28/08/2013 
Ocorrência no Sistema Interligado Nacional em 28/08/2013

Às 14h58, ocorreu o desligamento da Linha de Transmissão de 500 kV Ribeiro Gonçalves – São João do Piauí (circuito 2), da IENNE, empresa  controlada pela espanhola ISOLUX, devido a foco de calor (queimada na  região). Às 15h04, esse circuito foi religado manualmente, tendo havido um  novo desligamento pela mesma razão às 15h06.

Às 15h08, também devido à queimada, foi desligada a segunda linha Ribeiro  Gonçalves – São João do Piauí (circuito 1), da TAESA, empresa controlada  pela CEMIG, configurando uma contingência dupla, que conduziu à perda de  sincronismo e consequente separação da região Nordeste do restante do Sistema Interligado Nacional (SIN), havendo perda de carga de  aproximadamente 10.900 MW, com o desligamento adicional das seguintes  linhas de 500 kV de interligação do SIN com a região Nordeste:

• Presidente Dutra / Teresina Circuitos 1 e 2; 
• Presidente Dutra / Boa Esperança; e 
• Bom Jesus da Lapa / Rio das Éguas. 

Após identificada a origem da ocorrência, deu-se início à recomposição das  cargas da região Nordeste, tendo a das capitais sido, praticamente, concluída  às 17h30.

SIN – Interligação de Bacias

No Comments

Post A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.